segunda-feira, 21 de abril de 2008

'The Mist' de Frank Darabont



The Mist - Nevoeiro Misterioso por Sérgio Rodrigues

Realizado por: Frank Darabont
Escrito por: Frank Darabont baseado numa obra de Stephen King
Produzido por: Frank Darabont, Richard Saperstein, Bob Weinstein e Harvey Weinstein
Com: Thomas Jane, Marcia Gay Harden, Laurie Holden, Andre Braugher, William Sadler, Toby Jones, Nathan Gamble, Alexa Davalos, Sam Witwer, Chris Owen com Jeffrey DeMunn e Frances Sternhagen

Por exemplos anteriores, parece que o realizador Frank Darabont dá-se muito bem com a obra de Stephen King. ‘Os Condenados de Shawshank‘ e ‘Green Mile - À Espera de um Milagre‘ são grandes, grandes filmes, e ‘The Mist - Nevoeiro Misterioso‘ - baseado numa short story publicada numa compilação em 1985 - não é excepção. Um estudo profundo sobre o medo e a condição humana, ao bom e velho estilo de ‘The Shining‘ e ‘Carrie‘, outras grandes adaptações de obras de King, realizadas respectivamente por Stanley Kubrick em 1980 e Brian De Palma em 1976.

Sobre um pequeno grupo de pessoas encurralados num supermercado, após a chegada de um nevoeiro misterioso, que aparece após uma enorme tempestade, trazendo monstros de uma universo paralelo alternativo. ‘The Mist‘ concretiza-se no balanço humano e na convicção que falha na maior parte dos filmes de terror da actualidade, não lhe faltando o gore mas apenas nos momentos certos. Com uma produção complicada, e com orçamento reduzido, o filme partilha e obviamente o mesmo tema da clássico de terror “The Fog” de John Carpenter, mas o tributo ao realizador é imediato onde nos momentos iniciais se vê numa das pinturas de David um poster de ‘The Thing ‘, filme realizado por Carpenter (e outro clássico de terror), juntamente com um poster baseado na obra Dark Tower, série de livros escritos por Stephen King. A mistura estava então lançada… Porque ambos combinados temos aqui o resultado á vista, um grande thriller de terror com um final que irá deixa-lo paralisado na cadeira, um dos pontos que Darabont deixou claro á Dimension, o fim não alterado, doutra forma não realizaria o filme..

Mas neste caso, os seus prós tem os seus contras, em peso e medida, porque se o lado humano e a respectiva parte dramática onde o filme se consegue suportar está muito bem conseguída, já a parte fantástica parece não combinar muito bem, ao contrario de por exemplo o ‘Dreamcatcher‘, só para dar um exemplo de uma outra adaptação baseada noutra obra de King e curiosamente com o mesmo protagonista (Thomas Jane; Perigo no Oceano), onde uma pessoa sabe de imediato o que está a ver: o que naquele caso, um thriller de ficção cientifica em estilo fantasioso. Isto é, é que neste ‘Mist‘ as caracterizações são tão reais, o terror é tão humano, que custa-nos um bocado a acreditar na parte fantástica. Melhor ainda, o terror é tão real que custa-nos a acreditar que estamos a ver ficção. Darabont consegue criar um realismo impressionante e envolvente no grande ecrã, com uma excelente realização, criando aqui um filme obrigatório de ver para quem gosta do género de ‘terror a sério’.

Classificação: 8/10

Link da review pubicada no Hotvnews: http://hotvnews.wordpress.com/2008/04/21/the-mist-nevoeiro-misterioso-por-sergio-rodrigues-autor-convidado/#more-3918

1 comentário:

Roberto F. A. Simões disse...

Visite já:
http://cineroad.blogspot.com/